Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

ainda temos luz...

Desce daí, vulto estranho,
Ainda te magoas se te esgotares,
Talvez devas cair
E se me agarrares?

Desce daí, meu conhecimento espontâneo,
Ainda estás longe do chão,
Talvez devas sentir,
E se da poeira nascer paixão?

Desce daí amor,
Ainda te magoas assim,
Talvez devas descer,
E se me ensinares a sentir?

Das coisas que o tempo me trouxe,
Outras coisas o tempo me levou,
Talvez devesse, talvez fosse,
Mais um louco que sonhou,

Só isso tem valor,
Agora desce por favor,
Não vá o vento deitar-te ao chão,
Deixando um vazio no meu peito, que faz doer no serão,

Desce, do pedestal onde te pus,
Prova que mesmo aqui em baixo, ainda temos luz.
publicado por JF às 16:32
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De anacanela a 17 de Fevereiro de 2007 às 23:41
está lá...á altura da tua ilusão...ou já aqui á mão do teu desejo...*** boas ideias e palavras*

Comentar post

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. um fim...e um inicio...

. doce meu...

. asas para voar...

. eu volto...

. rodrigo leão...

. em ti...

. adormecer o meu dia...

. ontem, hoje e amanhã...

. música...

. nova melodia...

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

.links

.mais sobre mim