Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2006

mesmo sem ti...

Quero estar contigo quando sinto a tua falta,
Perder-me no tempo que a noite nos guarda,
Sinto-te em mim, quando me escondo do sol,
Não vá a sombra dizer-me que não estás comigo,
Teus olhos são refugio tantas vezes,
E teu corpo é meu embalo,
É pesadelo se te chamo para meu sonho e tu não vens,
Acordo e sufoco, olho mas não foco,
Porque a imagem é difusa a mente se recusa,
A dizer-me que não estás,
Nova escravatura esta falta que atormenta,
A todo o segundo não cessa, não sofre dispensa,
Revoltado vou dizendo que odeio o mundo que me rodeia,
Vou-me mexendo como insecto numa teia,
Ate ficar imóvel, paralisado a olhar para o chão,
Vendo que os sentidos já não me dão razão,
Porque no fundo sempre me enganei,
E estou mesmo sem ti…
publicado por JF às 00:49
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. um fim...e um inicio...

. doce meu...

. asas para voar...

. eu volto...

. rodrigo leão...

. em ti...

. adormecer o meu dia...

. ontem, hoje e amanhã...

. música...

. nova melodia...

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

.links

.mais sobre mim