Segunda-feira, 8 de Maio de 2006

dia de festa...

Juntam-se as provas e dançam,
Suavemente pelo ar,
Os silêncios irradiam e choram,
Nunca mais serão oportunos,
Tocam-se as mãos,
Que outrora não viam a luz do dia,
Emancipa-se o Ser, por tentar não perder,
O seu bem tão precioso,
Pulam e brincam as pedras do chão,
Que brinquem e pulem quem as pisa então,
Pregam-se sermões, e a festa pode avançar,
Por essas ruas escondidas,
Onde outrora ninguém passava,
Os cheiros distintos formam uma só crença,
A festa é hoje, e hoje nem à dor nem doença,
Saem às ruas as imagens mais escondidas,
E a mim nada mais me importa,
Junto os cacos das mazelas, e vergonha que ainda resta,
Deito tudo fora e sou eu, porque hoje é dia de festa…
publicado por JF às 17:08
link do post | comentar | favorito

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. um fim...e um inicio...

. doce meu...

. asas para voar...

. eu volto...

. rodrigo leão...

. em ti...

. adormecer o meu dia...

. ontem, hoje e amanhã...

. música...

. nova melodia...

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.pesquisar

 

.links

.mais sobre mim